jusbrasil.com.br
27 de Fevereiro de 2020

Bitcoin, a moeda digital.

Moral Queiroz & Advogados Ass., Advogado
há 3 meses

Bitcoin é uma moeda digital, descentralizada e que não necessita de terceiros para funcionar, ela permite o envio e recebimento de valores sem limitações territoriais e de quantidade, sem precisar passar por terceiros como bancos, paypal ou operadoras de cartão de crédito. Ele se diferencia, pois é uma moeda que não possui nenhuma relação com governos ou instituições. O valor da moeda BTC é definido pelo mercado (quanto mais pessoas se interessam pela moeda, mais o preço sobe, e vice-versa, seguindo a lei econômica de oferta e demanda).

As vantagens do Bitcoin moeda são a liberdade de pagamento, taxas menores, segurança, privacidade, controle e transparência. Nenhum Bitcoin pode ser confiscado, você pode mandá-lo para quem quiser pagando taxas menores, ele pode ser utilizado também como investimento.

A popularização do Bitcoin apenas cresceu com o passar do tempo. Os governos passaram cada vez mais a se preocupar com medidas regulatórias e o mercado como um todo se tornou um lugar de incertezas e especulações.

De um lado, alguns defendem que Bitcoin é uma bolha que um dia irá explodir. De outro lado, especialistas defendem que esse é o futuro do dinheiro, algo que pode inclusive se tornar maior do que o próprio dólar.

#Bitcoin #moeda #direito #digital #moedadigital #direitodigital #liberdade #BTC #Brasil #Dolar #Advocacia #Advogados #valor #economia #oferta #mercado #internacional #mercadointernacional #crédito #banco #governo

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)